PROJECTO PLANEIA TRANSFORMAR COLÓNIA NO VALE DE SILICON DO URUGUAI

Fecha de publicación: 13/06/2022

Com um investimento de U$S 2.000 milhões, a iniciativa +COLONIA visa transformar mais de 500 hectares no departamento de Colónia num paraíso de serviços de curta distância.

Os investidores estrangeiros estão a apresentar uma proposta inovadora que irá converter a área adjacente ao porto de Colónia, uma extensão de 515 hectares, num complexo que irá albergar mais de cinquenta empresas e trinta mil pessoas em habitações.

O espaço localizado no leste do departamento de Colónia, que planeia dividir-se em 70% de habitação e 30% de negócios, combinará apartamentos, serviços, escritórios e espaços comuns para os habitantes. O jornal El Observador informa que o investimento inicial será de 100 milhões de dólares, que aumentará gradualmente para 2 mil milhões de dólares, e espera-se que gere 6.000 novos empregos em empresas ligadas apenas à economia do conhecimento.

O jornal noticiou que a primeira fase do projecto deverá começar no final deste ano. Cobrirá uma área de 20 hectares e exigirá um investimento de 80 milhões de dólares para a construção de entre 400 e 600 casas, bem como escritórios, restaurantes e centros comerciais, e infra-estruturas de educação e saúde.

O desenvolvimento terá um design moderno com enfoque na sustentabilidade ambiental, com espaços verdes e células urbanas. Segundo o El Observador, o objectivo é atrair jovens habitantes, trabalhadores ligados à economia do conhecimento e empresas tecnológicas da região e do mundo.

A Salesforce partner CloudGaia, uma empresa argentina, pretende duplicar o seu investimento e mão-de-obra no Uruguai, como resultado deste projecto de cidade inteligente. O seu sistema desempenhará um papel fundamental no conceito do projecto, uma vez que permitirá aos utilizadores ter à sua disposição múltiplos dados obtidos de múltiplas fontes para aceder a informações como vagas de estacionamento disponíveis, salas de reunião para conferências, entre outras facilidades em busca de uma melhor qualidade de vida.

O director executivo da CloudGaia para o Uruguai e Bolívia, Ernesto Krawchik, disse ao El Observador que a sua empresa quer tornar-se um "distribuidor global de soluções de nuvem" do Uruguai e destacou as vantagens do país, tais como o regime fiscal, as políticas de apoio governamental e o crescimento "vertiginoso" da indústria que está a encorajar muitas pessoas a recorrer a ela.

"Está a tornar-se um excelente centro. Boas ideias, bons profissionais, boas empresas e boa dinâmica empresarial. O Uruguai é um lugar muito propício para isso, porque todos os actores estão empenhados em que isso aconteça", disse ele.

Para Krawchik, +Colonia "não é mais do que um bom exemplo do potencial do Uruguai como um centro global para novos empreendimentos tecnológicos".

Palabras clave:

  • partilhar