A LITERATURA URUGUAIA SE ABRE PARA O MUNDO COM A NOVA EDIçãO DO PROGRAMA IDA

Fecha de publicación: 06/12/2022

A iniciativa que, através do apoio à tradução, impulsiona a exportação da literatura uruguaia para o mundo, está de volta com sua quarta edição.

Com o objetivo de apoiar o setor editorial no posicionamento do país, o Uruguai XXI, o instituto de promoção das exportações, dos investimentos e da imagem do país, com o apoio do Instituto Nacional de Letras da Diretoria Nacional de Cultura do Ministério da Educação e Cultura, lançou a quarta edição do Programa IDA.

banner_ida_registro_pt

A iniciativa de tradução de obras literárias uruguaias, batizada em homenagem à escritora e tradutora Ida Vitale, busca incentivar a exportação da literatura nacional, bem como impulsionar a gestão comercial, a promoção e a divulgação do setor editorial no exterior.

O programa foi lançado em 2019 e em suas três primeiras edições traduziu 25 obras nacionais para inglês, francês, italiano, português, árabe, sueco, dinamarquês, albanês e ucraniano. Além disso, apoiou um total de sete traduções em inglês de trechos de obras para promoção internacional e a produção de quatro audiolivros.

O IDA é destinado a editoras estrangeiras que desejam publicar uma obra uruguaia no exterior e que tenham adquirido os direitos autorais. O programa os apoiará na tradução para um idioma que não seja o espanhol.

Editores e autores nacionais que buscam promover obras no exterior ou produzir audiolivros de obras uruguaias também podem se candidatar.

  

Saiba mais sobre as três linhas de apoio do Programa IDA

Apoio à tradução de obras literárias - Destinado a empresas estrangeiras devidamente estabelecidas em seus países que se comprometam a publicar obras de escritores uruguaios e que tenham adquirido seus direitos autorais.

Apoio para a tradução de extratos/capítulos de obras literárias e catálogos para o inglês - Destinado às empresas nacionais devidamente estabelecidas no Uruguai.

Apoio à produção de audiolivros - Destinado às empresas nacionais devidamente estabelecidas no Uruguai que desejam produzir audiolivros.

O Uruguai tem condições favoráveis à exportação devido ao prestígio de seus autores e à sua posição dentro da cultura internacional. A indústria editorial uruguaia tem uma longa tradição, tanto em termos de literatura quanto em termos de imprensa. A maturidade do setor se reflete na experiência e no comprometimento de seus recursos humanos, bem como na qualidade de suas publicações e nos baixos índices de pirataria. O Uruguai é o país mais lido da região e tem a maior produção per capita de livros da América Latina.

Neste contexto, a indústria conseguiu posicionar autores no cenário regional e internacional, que se distinguem pela originalidade e singularidade de suas produções. Prova disso é a expressão "los raros", que identifica os autores uruguaios de todas as gerações que atualmente fazem parte do cânone literário internacional.

Palabras clave:

  • partilhar