URUGUAI É O MELHOR DA AMÉRICA LATINA NO RANKING DE TRANSPARêNCIA INTERNACIONAL PELO OITAVO ANO CONSECUTIVO

Fecha de publicación: 29/01/2021

O país lidera novamente em percepção da corrupção na região e se posiciona em segundo lugar no continente americano, depois do Canadá.

O novo relatório da ONG Transparência Internacional (TI) sobre a percepção da corrupção posicionou ao Uruguai mais uma vez como o melhor país da região e o segundo no continente americano, somente depois do Canadá. A edição 2020 levou em consideração o impacto da pandemia pela COVID-19.

O Índice de Percepção da Corrupção (CPI) classifica 180 países pelos seus níveis percebidos de corrupção pública, de acordo com o olhar de especialistas e empresários, organizando-os em uma escala de 0 a 100, sendo que zero é “muito corrupto” e 100 é “muito limpo”. De acordo com o relatório, mais de dois terços dos países ficaram por baixo dos 50 pontos.

O CPI 2020, que foi publicado nesta semana, posicionou ao Uruguai no posto 21 com 71 pontos. Dessa forma, o Uruguai é o país com melhores resultados do CPI na América Latina, seguido pelo Chile no posto 25. Em relação com os países do continente americano, está no segundo lugar depois do Canadá (77 pontos) e à frente dos Estados Unidos (67 pontos).

O relatório destaca que tendo ficado provado que 2020 foi um dos piores anos na história recente com o surgimento da COVID-19, que não provocou apenas uma crise sanitária e econômica, mas também de corrupção, o Uruguai e o Canadá são os países que demonstraram de forma consistente os melhores resultados no seu continente.

“O investimento do governo (uruguaio) em saúde está entre os mais elevados da região. O país possui também um sistema sólido de vigilância epidemiológica, que contribui para a resposta à COVID-19 e outras doenças infecciosas”, assinala o relatório.

Ver o relatório

Palabras clave:

  • partilhar